Radiações e telescópios: problematização e aprendizagem de conceitos científicos

  • Jean Rodrigues
  • Noemi Sutil
Publicado
2017-10-13
Neste trabalho, objetiva-se analisar implicações de relações estabelecidas entre conhecimentos científicos e aspectos contextuais para a formação e aprendizagem significativa de estudantes, com o desenvolvimento de atividades educacionais para abordagem de radiações e telescópios. Esta pesquisa foi desenvolvida com 28 estudantes de 3º ano do Ensino Médio, em Curitiba, Paraná, Brasil, em 2016. Esta proposta educacional se fundamenta na Teoria do Agir Comunicativo, de Jürgen Habermas, e Teoria da Aprendizagem Significativa, de David Ausubel e colaboradores. Os dados desta pesquisa foram constituídos por: registros em diário de campo; gravações em áudio; mapas conceituais; questionários. Esses dados foram analisados por meio de Análise de Conteúdo. Entre os resultados, podem ser destacados indícios de problematização e aprendizagem de conceitos científicos.
Palabras clave: Radiações. Agir Comunicativo. Aprendizagem Significativa. (es)
La descarga de datos todavía no está disponible.
Rodrigues, J., & Sutil, N. (2017). Radiações e telescópios: problematização e aprendizagem de conceitos científicos. Tecné Episteme Y Didaxis: TED. Recuperado a partir de https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/4840

Adorno, T. W. (2009). Indústria Cultural e Sociedade (5ª ed.). São Paulo: Paz e Terra, 2009.

Ausubel, D. P., Novak, J. D. & Hanesian, H. (1980). Psicologia educacional. Rio de Janeiro: Interamericana.

Bardin, L. (2011). Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70.

Flick, U. (2000). Introdução à pesquisa qualitativa. São Paulo: Artmed.

Habermas, J. (2002). Racionalidade e Comunicação. Lisboa: Edições 70.

Habermas, J. (2012a). Teoria do agir comunicativo I: racionalidade da ação e racionalização social. São Paulo: WMF Martins Fontes.

HABERMAS, J. (2012b). Teoria do agir comunicativo II: sobre a crítica da razão funcionalista. São Paulo: WMF Martins Fontes.