Os indicadores da alfabetização cartográfica. Pensando convergências entre a cartografia escolar e o pensamento espacial

Indicators of Cartographic Literacy. Thinking Convergences between School Cartography and Spatial Thinking

Indicadores de alfabetización cartográfica: pensar convergencias entre la cartografía escolar y el pensamiento espacial

  • Márcia Cristina Urze Risette Universidade de São Paulo
Publicado
2018-09-20

El artículo presenta un enfoque teórico y conceptual a la cartografía escolar y el pensamiento espacial. El objetivo de esta exposición es encontrar convergencias entre ambos temas, delineando los principales conceptos y habilidades que los componen. En consecuencia, teniendo los Indicadores de Alfabetización Científica como referencia, proponemos y presentamos los Indicadores de Alfabetización Cartográfica para la reflexión y discusión entre los pares.

Palabras clave: School cartography, spatial thinking, geography, scientific literacy (en)
Palabras clave: cartografía escolar, pensamiento espacial, geografía, alfabetización científica (es)
Palabras clave: Cartografia escolar, pensamento espacial, geografia, alfabetização científica (pt)
Márcia Cristina Urze Risette, Universidade de São Paulo

Mestre em Educação pela Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo defendida em 2017 com o título Pensamento Espacial e Raciocínio Geográfico: Uma proposta de indicadores para a Alfabetização Científica na Educação Geográfica. Graduada e Licenciada em Geografia pela Universidade de São Paulo. Foi professora por dois da rede particular de ensino ministrando aulas para todos os anos do Ensino Fundamental II. Realizou estágios não obrigatórios na área de ensino de geografia e de planejamento ambiental. Desenvolveu pesquisa por dois anos vinculada à Faculdade de Educação/USP e financiada pelo PIBIC/CNPq tal estudo resultou no Trabalho de Graduação Individual para a conclusão do curso de Geografia denominado “A cartografia escolar e a cidade como projeto educativo: o uso de Sequências Didáticas para o ensino de Geografia”.

Almeida, R. (Ed.). (2010). Cartografia Escolar. São Paulo: Contexto.

Bednarz, S. e Kemp, K. (2011). Understanding and nurturing spatial literacy. Procedia–Social and Behavioral Sciences, 21, 18-23.

Castellar, S. (2000). Alfabetização em Geografia. Espaços da Escola, 10(37), 29-46.

Castellar, S. (2017). Cartografia Escolar e o Pensamento Espacial – fortalecendo o conhecimento geográfico. Revista Basileira de Educação em Geografia, 7(13), 207-232.

Duarte, R. (2017). A linguagem cartográfica como suporte ao desenvolvimento do pensamento espacial dos alunos na educação básica. Revista Basileira de Educação em Geografia, 7(13), 187-206.

Gersmehl, P. (2008). Teaching geography. New York: The Guilford Press.

Golledge, R. (2002). The nature of geographic knowledge. Annals of the Association of American Geographers, 92(1), 1-14.

Goodchild, M. (2006). The fourth R? Rethinking GIS Education. Esri Unders-tanding our world. Disponível em: http://www.esri.com/news/arcnews/fall06articles/the-fourth-r.html.

National Research Council (NRC). (2006). Learning to think spatially. Washington, D. C.: The National Academies Press.

Risette, M. (2017). Pensamento Espacial e Raciocínio Geográfico: Uma proposta de indicadores para a Alfabetização Científica na Educação Geográfica (tese de mestrado). Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil.

Sasseron, L. (2008). Alfabetização Científica no Ensino Fundamental: Estrutura e Indicadores desse processo em sala de aula (tese de doutorado). Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil.

Sasseron, L. e Carvalho, A. (2008). Almejando a Alfabetização Cietífica no Ensino Fundamental: A proposição e a procura de indicadores do processo. Investigações em Ensino de Ciências, 13(3), 333-352.

Simielli, M. (2007). O mapa como meio de comunicação e alfabetização cartográfica. Em R. Almeida (Ed.), Cartografia Escolar (pp. 71-94). São Paulo: Contexto.

Wakabayashi, Y. e Ishikawa, T. (2011). Spatial thinking in geographic information science: a review of past estudies and prospects for the future. Procedia Social and Behavioral Sciences, 21, 304-313.

Urze Risette, M. C. (2018). Indicadores de alfabetización cartográfica: pensar convergencias entre la cartografía escolar y el pensamiento espacial. Anekumene, (16), 16-25. Recuperado a partir de https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/anekumene/article/view/12458

Visitas

14

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.