El Taller como instrumento de ciudadanía

O Taller como instrumento de cidadania

  • Cristian Moreira Brum UniversidadUNIJUI – Brasil
  • Helena Copetti Callai UniversidadUNIJUI – Brasil
  • Daniel Graciolli Universidad UNIJUI – Brasil
Publicado
2015-11-30

Esta é uma reflexão a respeito da experiência que consideramos exitosa no sentido de aprender a ser cidadão. Esta experiência é o Taller, prática da arquitetura que busca adaptar ou criar os espaços em função das necessidades dos indivíduos, estando sua existência vinculada as questões políticas e sociais do lugar, como proposta de desenvolvimento local, com objetivo e espaço geográfico próprio. Tanto o grupo coordenador do projeto, como os sujeitos do lugar envolvidos no decorrer do processo se modificam, se reconhecem como sujeitos que têm direitos e deveres, que tem voz e ação no contexto em que vivem. O Taller, antes de ser uma experiência interdisciplinar, significou um exercício de cidadania de profissionais, professores, alunos e a comunidade do bairro e representantes do Poder Público. Os resultados das reflexões para os recortes do bairro fazem parte agora de um acervo para possíveis propostas de intervenção urbana no local.

Palabras clave: Taller, cidadania, arquitetura, urbanização e espaço geográfico (es)
La descarga de datos todavía no está disponible.
Cristian Moreira Brum, UniversidadUNIJUI – Brasil

Professor do Departamento de Ciências Sociais Aplicadas da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões - uri Campus de Frederico Westphalen - rs, Arquiteto e Urbanista, Especialista em Gestão Ambiental, Mestre em Engenharia Civil e Ambiental – Universidade Federal de Santa Maria e Doutorando em Educação nas Ciências pela Universidade do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul – unijuí.

Helena Copetti Callai, UniversidadUNIJUI – Brasil

Doutora em geografia e professora do Departamento de Ciências Sociais, professora e coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências (mestrado-doutorado) da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (unijuí).

Daniel Graciolli, Universidad UNIJUI – Brasil

Graduando em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões - uri Campus de Frederico Westphalen – rs, bolsista acadêmico de atividades nacionais e internacionais em parceria com a Universidad La Gran Colombia.

Moreira Brum, C., Copetti Callai, H., & Graciolli, D. (2015). El Taller como instrumento de ciudadanía. Anekumene, (6), 21-30. Recuperado a partir de https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/anekumene/article/view/3399

Callai, H. C. Aprendendo a ler o mundo:a geografia nos anos iniciais do ensino fundamental. Cad. Cedes, Campinas, vol. 25, n. 66, p. 227-247, maio/ago. 2005. Disponível em: <http://www.cedes.

unicamp.br>. Acesso em: 25 out. 2014.

Castelar, S. M. V. Lugar de vivencia: a cidade e a aprendizagem. Capítulo II. In: Pereira, M. G. La espesura del lugar: reflexiones sobre el espacio en el mundo educativo. Santiago de Chile: Universidad Academia de Humanismo Cristiano, 2009. p. 37 – 45.

Dallari, D. A. Direitos Humanos e Cidadania, São Paulo: Moderna, 1998. de Carvalho, J. M. Cidadania no Brasil: o longo caminho. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2011.

Fernández Caso, M.V.. Nuevos temas para pensar la ensenanza de la geografía. In: Cicollella, Pablo et al. Caso, M. Victoria Fernández (Org.). Geografía y territorios en transformación: nuevos temas para pensar la ensenánza. Buenos Aires: noveduc, 2007.

Pronsato, S. A. Taller Total: uma experiência de ensino de arquitetura e urbanismo. Pós, v.19, n.31, p. 178 – 199, São Paulo, junho, 2012.

Sánchez, J. D.; Fernández, C. Taller de Arquitetura I. México: Red Tercer Milenio, 2012.

Santos, M. Metamorfoses do espaço habitado: fundamentos teóricos e metodológicos da geografia. São Paulo: Hucitec, 1988.