3B002 O Princípio de Incerteza de Heisenberg em Livros Didáticos de Química Geral Utilizados em Universidade Brasileiras

  • José Bento Suart Júnior Universidade Tecnológica Federal do Paraná
  • Carlos Roberto Senise Junior
  • Hélio Elael Bonini Viana
  • Geovanil de Jesus Dionízio
Publicado
2018-11-26

Este trabalho analisa o Princípio de Incerteza de Heisenberg em livros didáticos  de Química Geral frequentemente utilizados no Brasil. Foram selecionados livros entre os mais retirados pelos usuários de uma expressiva biblioteca universitária no ano letivo de 2017. Os livros foram analisados a partir das considerações tecidas por Chibeni (2005), que identifica três possíveis interpretações, com diferentes consequências filosóficas. Os livros didáticos introduzem o conceito de forma operacional e anacronicamente, contribuindo para uma imagem parcial da natureza filosófica da Química.

Palabras clave: Princípio de Incerteza, Livro Didático, Química Geral (pt)
La descarga de datos todavía no está disponible.
Suart Júnior, J. B., Senise Junior, C. R., Viana, H. E. B., & Dionízio, G. de J. (2018). 3B002 O Princípio de Incerteza de Heisenberg em Livros Didáticos de Química Geral Utilizados em Universidade Brasileiras. Tecné Episteme Y Didaxis: TED, (Extraordin), 1-6. Recuperado a partir de https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/9245
Atkins, P. y Jones, L. (2006). Princípios de Química, 3ª ed. Porto Alegre: Bookman.
Brady, J. E., Senese, F. y Jespersen, N. D. (2015). Química: a matéria e suas transformações, v. 1, 5ª ed. Rio de Janeiro: LTC.
Brown, T. L., Lemay Jr., H. E., Bursten, B. E. y Burdge, J. R. (2005). Química: a ciência central. São Paulo: Prentice Hall.
Chang, R. (2010). Química geral: conceitos essenciais, 4ª ed. Porto Alegre: AMGH.
Chibeni, S.S. (2005). Certezas e Incertezas sobre as relações de Heisenberg. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 27, n. 2, p. 181-192.
Gomes, G. G. y Pietrocola, M. (2011). O experimento de Stern-Gerlach e o spin do elétron: um exemplo de quasi-história. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 33, n. 2, 2604, 1-11.
Jammer, M. (1966). The Conceptual development of quantum mechanics. New York: McGrawHill,.
Kotz, J. C., Treichel, P. M. y Weaver, G. C. (2009). Química geral e reações químicas, v. 1, 6ª ed. São Paulo: Cengage Learning.
Niaz, M. y Fernandez, R. (2008). Understanding quantum numbers in general chemistry textbooks. International Journal of Science Education. v.7, n. 30, 869–901.
Piza, A.F.R.T. (2003). Schrödinger & Heisenberg: A Física além do senso comum. 1º ed. São Paulo: Odysseus, 2003. 225 p.
Sá-Silva, J. R., Almeida, C. D. y Guidani, J. F. (2009). Pesquisa documental: pistas teóricas e metodológicas. Revista Brasileira de História & Ciências Sociais, v.1, n.1, p.1-15.
Segré, E. (1980). From X-Rays to Quarks: Modern Physicists and Their Discoveries. New York: W.H. Freeman and Company.