Argumentação dos futuros professores de física a respeito da desmiticação da ciência durante o curso de Licenciatura em Física

  • Adriana Bortoletto
  • Renata Oliveira Silva
  • Leandro Londero
Publicado
2017-10-13
O presente trabalho é um recorte de pesquisa acerca da importância das Questões Sociocientíficas e Argumentação na formação de professores de Física. Ao nos reportarmos as questões sociocientíficas, inerente a esta temática está associada à concepção de Ciência. Os dados foram coletados em uma disciplina de carga-horária de 60 horas/aulas. As aulas foram gravadas em áudio e transcritas. Optamos pela análise da estrutura do argumento pelo Layout de Stephen Toulmin. Consideramos apenas as justificativas e conclusões subjacentes ao turno em que se encontrava a discussão. Os turnos de fala evidenciaram denúncias a respeito do papel das disciplinas didático-pedagógicas e acima de tudo do papel dos professores das disciplinas específicas na desconstrução da visão mítica da Ciência formada ao longo da escolarização e a perpetuação mesmo após o fim do curso de licenciatura.
Palabras clave: Formação Inicial de Professores, Concepção de Ciência, Ensino de Física (es)
La descarga de datos todavía no está disponible.
Bortoletto, A., Oliveira Silva, R., & Londero, L. (2017). Argumentação dos futuros professores de física a respeito da desmiticação da ciência durante o curso de Licenciatura em Física. Tecné Episteme Y Didaxis: TED. Recuperado a partir de https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/4829

Alters, B. (1997) Whose natures of science? Journal of Research in Science Teaching. 34,1, 39-55.

Martínez, L. (2010) A abordagem de questões sociocientíficas na formação continuada de professores de ciências: contribuições e dificuldades. (Tese de Doutorado, Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência da Faculdade de Ciências, Universidade Estadual Paulista, campus de

Bauru.)

Newton, P., Driver, R., Osborne, J. (1999) The place of argumentation in the pedagogy of school science. International Journal of Science Education, 21, 5, 553-576.

Osborne, J., Erduran, S., Simon, S. (2004) Enhancing the quality of argumentation in school science. Journal of Research in Science Teaching, 41, 10, 994-1020.

Toulmin, S. E. (2006) Os usos do argumento. São Paulo: Martins Fontes.

Zeidler, D.; Sadler, D. T.; Simmons, L.M.; Howes, V.E (2005)Beyond STS: A Research-Based Framework for Socioscientific Issues Education. International Journal of Science Education. 89, 3, 357 – 377.

Duschl, R., & Osborne, J. (2002). Supporting and promoting argumentation discourse. Studies in Science Education, 38, 39–72

Driver, R., Newton, P., & Osborne, J. (2000). Establishing the norms of scientific argumentation in classroom. Science Educ