TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS

  • Alcione José Alves Bueno
  • Sani de Carvalho Rutz Da Silva
  • Elsa Midori Shimazaki
Publicado
2021-11-19

Atualmente é muito comum a presença de estudantes com deficiência em espaços escolares de ensino regular. Desse modo, é necessário que se entenda a forma como essas pessoas se apropriam do conhecimento e formar grupos de apoio colaborativo para propiciar um ensino mais assertivo. Desse modo, este trabalho investigaos estudos desenvolvidos com a temática inclusão educacional em ciências,analisandoas teses e dissertações que aproximam ainclusão educacional em ciências, o ensino colaborativo e as teorias da aprendizagem. O estudo mostra a existência de pesquisas com essa interface que possibilitaram a aprendizagem em ciências para estudantes com deficiência. Entretanto, mesmo tendo encontrado esses trabalhos, é importante frisar que ainda é escassa essa aproximação,apontando caminhos para o desenvolvimento de novos estudos na área.

Palabras clave: Estado da arte, Educação Inclusiva, Ensino colaborativo, Teorias da Aprendizagem (pt)

Amaro, D. G. (2009). Análise de procedimentos utilizados em uma proposta de formação contínua de educadores em serviço para a construção de prática inclusivas (Tese de doutorado). Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo , São Paulo, SP, Brasil. Recuperado de https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde23092009-145728/pt-br.php

Brasil (2008). Estabelece a Política Nacional de Educação Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva. Recuperado de http://portal.mec.gov.br/arquivos/pdf/politicaeducespecial.pdf

Bueno, M. L. (2019). Educação de Jovens e Adultos: formação continuada colaborativa entre professores da sala comum e da educação especial (Dissertação de mestrado). Faculdade de Educação da Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, SP, Brasil. Recuperado de

https://repositorio.ufscar.br/bitstream/handle/ufscar/11076/BUENO_MelinaBrandt_2019.pdf?sequence=2&isAllowed=y

Caneguim, J. F. C (2016). A Psicologia vai à escola: trabalho colaborativo com uma professora de educação infantil (Tese de doutorado). Faculdade de Educação da Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, SP, Brasil recuperado de https://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/7963

Cardozo, F. R. C. (2016). Formação continuada de professores dos cursos de pedagogia do Sistema ACAFE para o trabalho com acadêmicos com deficiência(Dissertação de Mestrado). Faculdade de Educação da Universidade da Região de Joinville, Joinville, SC, Brasil. Recuperado de

https://www.univille.edu.br/account/mestradoedu/VirtualDisk.html/downloadDirect/1078167/CARDOZO_Fabiana_Ramos_da_Cruz.pdf

Cook, L., Friend, M. (1995). Co-teaching: Guidelines for creating effective practices. Focus on Exceptional Children

Corrêa Netto, M. M. F (2012). A Comunicação Alternativa favorecendo a aprendizagem de crianças com autismo, Asperger e Angelman: formação continuada de profissionais de Educação (Dissertação de Mestrado). Faculdade de Educação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil. Recuperado de http://bdtd.ibict.br/vufind/Record/UERJ_20d5a3dddf2b4b5f7275779390bc0e8b

Costa, J. H. (2014). O ensino de Ciências e a Educação Inclusiva nos anos iniciais: práticas pedagógicas a partir do planejamento cooperativo(Dissertação de Mestrado). Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande, Porto Alegre, RS, Brasil. Recuperado de

https://sistemas.furg.br/sistemas/sab/arquivos/bdtd/0000010696.pdf

David, L., & Capellini, V. L. M. F. (2014). O ensino colaborativo como facilitador da inclusão da criança com deficiência na educação infantil. Nuances: estudos sobre Educação, 25(3), 189-209. Recuperado de http://revista.fct.unesp.br/index.php/Nuances/article/view/2714/2694. doi10.14572/nuances.v25i2.2714

Ferreira, A. R. A (2016). Trabalho colaborativo na educação física escolar: estratégias para a formação de professores e inclusão (Tese de doutorado em Educação). Faculdade de Educação da Universidade Estadual Paulista, Bauru,SP, Brasil. Recuperado de https://repositorio.unesp.br/handle/11449/148798

Freire, P. (1997). Pedagogia da autonomia: Saberes necessários à prática educativa(25. Ed). São Paulo: Paz e Terra.

Lefrançois, G. R. (2008). Teorias da aprendizagem. São Paulo: Cengage Learning.

Manga, V. P. B. B. (2017). O professor de educação especial, sua formação e a inclusão escolar do aluno cego: um estudo de caso (Tese de Doutorado). Faculdade de Educação da Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES, Brasil. Recuperado de http://repositorio.ufes.br/handle/10/8528

Pereira, V. A. (2009). Consultoria Colaborativa na escola: contribuições da Psicologia para inclusão escolar do aluno surdo (Tese de doutorado). Faculdade de Educação da Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, SP,

Brasil. Recuperado de https://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/2859?show=full

Rocha, N. C. (2016). Ensino Colaborativo e desenvolvimento da abordagem Construcionista Contextualizada e Significativa na perspectiva da inclusão (Dissertação de Mestrado). Faculdade de Educação da Universidade Estadual Paulista, Bauru, SP, Brasil. Recuperado de https://repositorio.unesp.br/handle/11449/148589

Rodrigues, P. R. E. (2017). Educação inclusiva: significados e sentidos configurados a partir de uma experiência formativa docente(Dissertação de Mestrado em Educação). Faculdade de Educação da Universidade Federal de Alfenas, Alfenas, MG, Brasil. Recuperado de https://bdtd.unifalmg.edu.br:8443/bitstream/tede/986/5/Disserta%C3%A7%C3%A3o%20de%20Paloma%20Roberta%20Euz%C3%A9bio%20Rodrigues.pdf

Silveira, S. M. P. (2009). A gestão para a inclusão: uma pesquisa-ação colaborativa no meio escolar (Tese de doutorado). em Educação). Faculdade de Educação da Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, CE, Brasil. Recuperado de http://repositorio.ufc.br/bitstream/riufc/6642/1/2009_tese_smpsilveira.pdf

Tinti, M. C. (2016). Desenvolvimento profissional docente em uma perspectiva colaborativa: a inclusão escolar, as tecnologias e a prática pedagógica (Tese de doutorado). Faculdade de educação da Universidade Estadual Paulista, Bauru, SP, Brasil. Recuperado de https://repositorio.unesp.br/handle/11449/150636

Vaz, K. (2013). O professor de educação especial nas políticas de perspectiva inclusiva no Brasil: concepções em disputa (Dissertação de mestrado). Faculdade de educação da Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, SC, Brasil. Recuperado de https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/123143

Vygotski, L. S. (1997). Tomo V: Fundamentos de Defectologia. Madri: Visor

APA

Bueno , A. J. A., Da Silva , S. de C. R. ., & Shimazaki, E. M. (2021). TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS. Tecné, Episteme y Didaxis: TED, (Número Extraordinario), 1032-1037. Recuperado a partir de https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/15248

ACM

[1]
Bueno , A.J.A., Da Silva , S. de C.R. y Shimazaki, E.M. 2021. TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS. Tecné, Episteme y Didaxis: TED. Número Extraordinario (nov. 2021), 1032-1037.

ACS

(1)
Bueno , A. J. A.; Da Silva , S. de C. R. .; Shimazaki, E. M. TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS. Tecné. Episteme. Didaxis: TED 2021, 1032-1037.

ABNT

BUENO , A. J. A.; DA SILVA , S. de C. R. .; SHIMAZAKI, E. M. TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS. Tecné, Episteme y Didaxis: TED, [S. l.], n. Número Extraordinario, p. 1032-1037, 2021. Disponível em: https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/15248. Acesso em: 30 nov. 2021.

Chicago

Bueno , Alcione José Alves, Sani de Carvalho Rutz Da Silva, y Elsa Midori Shimazaki. 2021. «TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS». Tecné, Episteme y Didaxis: TED, n.º Número Extraordinario (noviembre):1032-37. https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/15248.

Harvard

Bueno , A. J. A., Da Silva , S. de C. R. . y Shimazaki, E. M. (2021) «TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS», Tecné, Episteme y Didaxis: TED, (Número Extraordinario), pp. 1032-1037. Disponible en: https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/15248 (Accedido: 30noviembre2021).

IEEE

[1]
A. J. A. Bueno, S. de C. R. . Da Silva, y E. M. Shimazaki, «TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS», Tecné. Episteme. Didaxis: TED, n.º Número Extraordinario, pp. 1032-1037, nov. 2021.

MLA

Bueno , A. J. A., S. de C. R. . Da Silva, y E. M. Shimazaki. «TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS». Tecné, Episteme y Didaxis: TED, n.º Número Extraordinario, noviembre de 2021, pp. 1032-7, https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/15248.

Turabian

Bueno , Alcione José Alves, Sani de Carvalho Rutz Da Silva, y Elsa Midori Shimazaki. «TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS». Tecné, Episteme y Didaxis: TED, no. Número Extraordinario (noviembre 19, 2021): 1032-1037. Accedido noviembre 30, 2021. https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/15248.

Vancouver

1.
Bueno AJA, Da Silva S de CR, Shimazaki EM. TEORIAS DA APRENDIZAGEM E ENSINO COLABORATIVO: UM CAMINHO PARA INCLUSÃO EDUCACIONAL EM CIÊNCIAS. Tecné. Episteme. Didaxis: TED [Internet]. 19 de noviembre de 2021 [citado 30 de noviembre de 2021];(Número Extraordinario):1032-7. Disponible en: https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/15248

Descargar cita

Visitas

10

Descargas

Los datos de descargas todavía no están disponibles.