Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores?

A Look at the Definitions of the Thematic Approach From Paulo Freire's Perspective: What Do the Authors Say?

Una mirada a las definiciones del enfoque temático desde la perspectiva de paulo freire: ¿qué dicen los autores?

  • Luana Marciele Morschheiser Universidade Estadual do Oeste do Paraná-Unioeste
  • Lourdes Aparecida Della Justina Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Unioeste
  • Rosana Franzen Leite Universidade Estadual do Oeste do Paraná - Unioeste
Publicado
2022-07-25

El presente artículo surge de la dificultad de identificar y enumerar definiciones estandarizadas para las terminologías utilizadas en el uso de la palabra “Tema”, especialmente el uso del Enfoque Temático. Por ello, presentamos el uso del Enfoque Temático como metodología de enseñanza según lo descrito por autores relevantes al área de enseñanza, a lo que destacamos a Paulo Freire, célebre filósofo y educador brasileño, precursor de la metodología de enseñanza en estudio. Así, presentamos un artículo de reflexión cuyo objetivo es precisamente explorar los caminos tomados por la metodología del Enfoque Temático, enumerando algunas de sus definiciones relacionadas con la investigación en educación científica, las cuales destacamos: Tema Generador, Investigación Temática, Enfoque Temático Freireano y finalmente una breve articulación con el currículo, a través de la Praxis Curricular vía Tema Generador. Vinculada a la propuesta educativa de Freire, una metodología que priorice la ruptura de la enseñanza propedéutica solo tiene que aportar a las concepciones de enseñanza y aprendizaje la importancia de la asociación entre los conceptos científicos con el entorno social y cultural en el que se inserta una determinada comunidad escolar. 

Palabras clave: thematic approach, generating themes, thematic research , science teaching (en)
enfoque temático  , generando temas, investigación temática, enseñanza de las ciencias (es)
abordagem temática, temas geradores, investigação temática, ensino de ciências (pt)

Andreola, Balduino A. (1993). O Processo do Conhecimento em Paulo Freire. Educação e Realidade, 18(1), 32-45.

Angotti, J. A. (1982). Solução alternativa para a formação de professores de ciências. (Dissertação de mestrado). Universidade de São Paulo, São Paulo Brasil.

Bagno, M. (2007). Preconceito linguístico: O que é, como se faz? (49. ed.). Loyola.

Barreto, L. P. (1998). Educação para o Empreendedorismo. Escola de Administração de Empresa da Universidade Católica de Salvador.

Delizoicov, D. (1982). Concepção problematizadora do ensino de ciências na educação formal. 1982. Dissertação de Mestrado - ifusp/feusp, Universidade de São Paulo, São Paulo.

Delizoicov, D. (1991). Conhecimento, tensões e transições. 1991. (Tese de Doutorado). Universidade de São Paulo, São Paulo, Brasil.

Delizoicov, D. (2008). La educación en ciencias y la perspectiva de Paulo Freire. Alexandria. Revista de educação em ciência e tecnologia, 1(2), 37-62.

Delizoicov, D.; Angotti, J. A. y Pernambuco, M. M. (2002). Ensino de Ciências: fundamentos e métodos. Cortez.

Delizoicov, D.; Angotti, J. A. P.; Pernambuco, M. M. C. A. (2011). Ensino de ciências: fundamentos e métodos. Cortez.

Freire, P. (1967). Sobre Educação (diálogos), Vol. 2. Paz e Terra.

Freire, P. (1981). A Pedagogia do Oprimido. Paz e Terra.

Freire, P. (1987). Pedagogia do oprimido. (17.ª ed.). Paz e Terra.

Freire, P. (1989). Educação como prática de liberdade, Paz e Terra.

Freire, P. (1992). Pedagogia da esperança: Um reencontro com a pedagogia do oprimido. Paz e Terra.

Freire, P. (1993). Política e Educação: Ensaios. Cortez.

Freire, P. (2002). Pedagogia da autonomia: Saberes necessários à prática educativa. Paz e Terra.

Freire, P. (2009). Educação como prática da liberdade. Paz e Terra.

Freire, P. (2014). Educação e mudanças. Paz e Terra.

Freire, P. e Faundez, A. (2002). Por uma pedagogia da pergunta. Revisão e tradução: Antonio Faundez; Heitor Ferreira da Costa. 5.a ed. Paz e Terra.

Freire, P. e Shor, I. (1986). Medo e Ousadia — O Cotidiano do Professor. Paz e Terra.

Freschi, M. e Ramos, M. G. (2009). Unidade de Aprendizagem: Um processo em construção que possibilita o trânsito entre senso comum e conhecimento científico. Revista Electrónica de Enseñanza de las Ciencias, 8(1), 156-170.

Gadotti, M. (1991). Convite à leitura de Paulo Freire. Scipione. Série Pensamento e Ação no Magistério.

Garcia, J. N. (1998). Manual de dificuldades de aprendizagem, leitura, escrita e matemática. Artes Médicas.

Giacomini, A. e Muenchen, C. (2015). Os Três Momentos Pedagógicos Como Organizadores de Um Processo Formativo: Algumas Reflexões. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, 15(2), 339-355.

Maldaner, O. A., Zanon, L. B. y Auth, M. A. (2007). A pesquisa sobre educação em ciências e formação de professores. Em F. M. Santos e I. Greca (Org.), A pesquisa em ensino de ciências no Brasil e suas metodologias (pp. 49-88). Editora Unijuí.

Martins, N. de P. e Bizerril, M. X. (2015). Articulações entre os temas geradores de Paulo Freire na promoção da educação ambiental na escola. [Dissertação mestrado, Universidade de Brasília]. Brasília.

Mattos, E. M. A. e Castanha, A. P. (2008). A importância da pesquisa escolar para a construção do conhecimento do aluno no ensino fundamental. Paraná: Secretaria de Educação do Estado.

Muenchen, C. (2010). A disseminação dos três momentos pedagógicos:um estudo sobre práticas docentes na região de Santa Maria/rs. 2010. 273 f. (Tese de Doutorado). Centro de Ciências em Educação, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis.

Muenchen, C. e Auler, D. (2007). Configurações curriculares mediante o enfoque cts: Desafios a serem enfrentados na eja. Ciência e Educação (unesp), 13(3), 421-434.

Pierson, A. H. C. e Hosoume, Y. (1997). O cotidiano e a busca de sentido para o ensino de Física. Universidade de São Paulo.

Santos, W. L. P. Dos e Mortimer, E. F. (2000). Uma Análise de Pressupostos Teóricos da Abordagem C-T-S (Ciência-Tecnologia Sociedade) no Contexto da Educação Brasileira. Ensaio – Pesquisa em Educação em Ciências, 2(2), 133-162.

Schugurensky, D. e Freire, P. (2011). Continuum Library of Educational Thought, Vol. 16. Continuum.

Valadares J. e Gouveia V. (2004). A Aprendizagem em Ambientes Construtivistas: Uma Pesquisa Relacionada com o Tema Ácido – Base. Investigações em Ensino de Ciências, 9(2), 199-220.

Torres, C. A. (2014). First Freire early writings in social justice education. Teachers College Press.

Torres, J. R. (2010). Educação Ambiental crítico-transformadora e abordagem temática Freireana. 2012. 456 f. (Tese de doutorado). Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós-Graduação em Educação Científica e Tecnológica, Florianópolis.

APA

Morschheiser, L. M., Della Justina, L. A. ., & Franzen Leite, R. (2022). Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? . Tecné, Episteme y Didaxis: TED, (52). https://doi.org/10.17227/ted.num52-14688

ACM

[1]
Morschheiser, L.M., Della Justina, L.A. y Franzen Leite, R. 2022. Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? . Tecné, Episteme y Didaxis: TED. 52 (jul. 2022). DOI:https://doi.org/10.17227/ted.num52-14688.

ACS

(1)
Morschheiser, L. M.; Della Justina, L. A. .; Franzen Leite, R. Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? . Tecné. Episteme. Didaxis: TED 2022.

ABNT

MORSCHHEISER, L. M.; DELLA JUSTINA, L. A. .; FRANZEN LEITE, R. Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? . Tecné, Episteme y Didaxis: TED, [S. l.], n. 52, 2022. DOI: 10.17227/ted.num52-14688. Disponível em: https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/14688. Acesso em: 7 ago. 2022.

Chicago

Morschheiser, Luana Marciele, Lourdes Aparecida Della Justina, y Rosana Franzen Leite. 2022. «Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? ». Tecné, Episteme y Didaxis: TED, n.º 52 (julio). https://doi.org/10.17227/ted.num52-14688.

Harvard

Morschheiser, L. M., Della Justina, L. A. . y Franzen Leite, R. (2022) «Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? », Tecné, Episteme y Didaxis: TED, (52). doi: 10.17227/ted.num52-14688.

IEEE

[1]
L. M. Morschheiser, L. A. . Della Justina, y R. Franzen Leite, «Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? », Tecné. Episteme. Didaxis: TED, n.º 52, jul. 2022.

MLA

Morschheiser, L. M., L. A. . Della Justina, y R. Franzen Leite. «Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? ». Tecné, Episteme y Didaxis: TED, n.º 52, julio de 2022, doi:10.17227/ted.num52-14688.

Turabian

Morschheiser, Luana Marciele, Lourdes Aparecida Della Justina, y Rosana Franzen Leite. «Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? ». Tecné, Episteme y Didaxis: TED, no. 52 (julio 25, 2022). Accedido agosto 7, 2022. https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/14688.

Vancouver

1.
Morschheiser LM, Della Justina LA, Franzen Leite R. Um olhar sobre as definições de abordagem temática na perspectiva de Paulo Freire: o que dizem os autores? . Tecné. Episteme. Didaxis: TED [Internet]. 25 de julio de 2022 [citado 7 de agosto de 2022];(52). Disponible en: https://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/14688

Descargar cita

Citaciones

Crossref Cited-by logo
0

Métricas PlumX

Visitas

30

Descargas

Los datos de descargas todavía no están disponibles.