7B027 Compreensões da não neutralidade da CT construídas em práticas educativas CTS com enfoque na Educação Ambiental na Educação Básica

  • Rosemar Ayres dos Santos Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).
  • Débora Larissa Brum Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Patrícia Marasca Fucks Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS).

Resumen

Frente a percepção da necessidade de discussões mais elaboradas acerca das questões ambientais na sociedade contemporânea, nessa pesquisa analisamos práticas educativas CTS com enfoque em temáticas ambientais na Educação Básica, publicadas nas onze edições do Encontro Nacional de Pesquisa em Ensino de Ciências. Assim, investigamos: Como e se as práticas educativas com enfoque CTS discutem a Educação Ambiental? Para a análise do corpus utilizamos a Análise Textual Discursiva. Dessa análise resultaram duas tendências: 1) As práticas educativas e os mitos da neutralidade da CT; 2) Percepção da não neutralidade no desenvolvimento da CT e crítica a sociedade de consumo. Concluímos que, apesar das práticas abordarem temáticas relevantes para a formação crítica do estudante, possuem uma visão mais voltada para os impactos ambientais relacionados ao pós-produção da CT.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Referencias

Alves, J. A. P., & Carvalho, W. L. P. (2005). Implicações CTSA na visão de alunos do Ensino Médio a partir do acesso a múltiplas perspectivas de um caso de dano ambiental. V ENPEC, Bauru, SP, Brasil. 5.
Auler, D. (2002). Interações entre Ciência-Tecnologia-Sociedade no Contexto da Formação de Professores de Ciências (Tese de Doutorado), UFSC, Florianópolis, SC, Brasil.
Dal moro, G. A., Braga, M. M., & Garcia, N. M. D. A (2011). abordagem CTS em uma atividade didática interdisciplinar de Física e Geografia. ENPEC, Campinas. SP. Brasil. 8.
García, M. I. G., Cerezo, J. A. L., & López, J. L. L. (1996). Ciencia, Tecnologia Y Sociedad: una introducción al estudio social de la Ciência y la tecnología. Madrid: Tecnos.
Lima, C. A., & Copello, M. I. (2007). Educação ambiental desde o enfoque ciência/tecnologia/sociedade (CTS) – um possível caminho. Pesquisa em Educação Ambiental, 2(2),173-196.
Moraes, R., & Galiazzi, M. C. (2007). Análise Textual Discursiva (2a ed.). Ijuí: UNIJUÍ.
Pinheiro, N. A. M., Silveira, R. M. C. F., & Bazzo, W. (2007). Ciência, Tecnologia e Sociedade: a relevência do enfoque CTS para o contexto do Ensino Médio. Ciência & Educação. 13, 71-84.
Rosa, S. E. (2014) Não neutralidade da Ciência-Tecnologia: problematizando silenciamentos em práticas educativas relacionadas a CTS. (Dissertação de Mestrado), UFSM, Santa Maria, RS, Brasil.
Santos, R. A. (2012). A não neutralidade na perspectiva educacional Ciência-Tecnologia-Sociedade. (Dissertação de Mestrado), UFSM, Santa Maria, RS, Brasil.
Santos, R. A. (2016). Busca de uma participação social para além da avaliação de impactos da Ciência-Tecnologia na Sociedade: sinalizações de práticas educativas CTS. (Tese de Doutorado), UFSM, Santa Maria, RS, Brasil.
Publicado
2018-11-22
Cómo citar
Santos, R. A. dos, Brum, D. L., & Fucks, P. M. (2018). 7B027 Compreensões da não neutralidade da CT construídas em práticas educativas CTS com enfoque na Educação Ambiental na Educação Básica. Tecné Episteme Y Didaxis TED, (Extraordin), 1-7. Recuperado a partir de http://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/9130