1B132 A experimentação e a constituição da memória no Ensino de Ciências

Tamini Wyzykowski
Marli Dallagnol Frison

Socializamos neste texto reflexões sobre o papel da experimentação no ensino de Ciências e sua relação com a constituição da memória e o desenvolvimento humano. A pesquisa foi realizada a partir de questionários e entrevistas com licenciandos em Ciências Biológicas da UFFS, Brasil. A investigação é de natureza qualitativa e está caracterizada como Estudo de Caso. Os dados foram organizados pela Análise Textual Discursiva e analisados com base no referencial teórico do Ensino de Ciências e da Psicologia Histórico-Cultural. Os resultados mostram que a experimentação é um instrumento pedagógico que produz motivos para que os alunos desenvolvam a atividade de estudo, viabilizando, assim, a apropriação cultural dos conhecimentos científicos escolares a partir da memorização voluntária.

Wyzykowski, T., & Frison, M. D. (2018). 1B132 A experimentação e a constituição da memória no Ensino de Ciências. Tecné Episteme Y Didaxis TED, (Extraordin). Recuperado a partir de http://revistas.pedagogica.edu.co/index.php/TED/article/view/8884
Gonçalves, F. P. & Galiazzi, M. do C. (2004). A natureza das atividades experimentais no ensino de ciências: um programa de pesquisa educativa nos cursos de licenciatura. In Moraes, R. & Mancuso, R. (Org.). Educação em ciências: produção de currículos e formação de professores. Ijuí: Ed. Unijuí.
Hodson, D. (1994). Hacia un enfoque más crítico del trabajo de laboratorio. Enseñanza de las Ciencias, 12 (3): 299-313.
Leontiev, A. N. (1978). O desenvolvimento do psiquismo. São Paulo, SP: Centauro.
Luria, A. L. (1999). Curso de psicologia geral: atenção e memória (2. Ed.). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira.
Moraes, R. & Galiazzi, M. do C. 2007. Análise textual discursiva (2a ed.). Ijuí: Ed. Unijuí.
Neuville, S. (2011). O valor das atividades de aprendizagem: suas origens e seus efeitos. In Galand, B. & Bourgeois, É. Motivar-se para aprender. Campinas: Autores Associados.
Rosito, B.A. (2008). O ensino de Ciências e a experimentação. In Moraes, R. (Org.). Construtivismo e ensino de ciências: reflexões epistemológicas (3a ed.). Porto Alegre: EDIPUCRS.
Silva, L. H. A. & Zanon, L. B. (2000). A experimentação no ensino de Ciências. In Schnetzler, R. P. & Aragão, R. M. R. (Org.). Ensino de ciências: fundamentos e abordagens. São Paulo: Capes; Unimep.
Vigotski, L. S. (2012). Obras Escogidas. Tomo III. Madrid: Machado Grupo de Distribución.

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Article Details